Your browser is out-of-date!

Update your browser to view this website correctly. Update my browser now

×

Welcome to the Belimo Corporate Website.
Stay on the global site or select a regional site below.
Escolha a sua localização

Aplicações de pressão
em salas isoladas

Ar-condicionado controlado em salas isoladas

A transmissão de patógenos pode ser evitada isolando ou separando fisicamente uma ou mais pessoas de outras partes da sociedade. As pessoas e os seus arredores podem ser protegidos em relação aos pacientes com doenças infecciosas, ou os pacientes com a imunidade comprometida podem ser protegidos contra patógenos infecciosos. As salas especiais de isolamento ou as enfermarias de isolamento total dos hospitais são projetadas para este fim. O principal foco dessas medidas são os médicos e a equipe de enfermagem, que podem interromper as vias de infecção, aderindo às diretrizes específicas de higiene.

As salas de isolamento são operadas com uma razão de pressão negativa ou positiva em relação ao seu entorno, por exemplo, uma leve sobrepressão ou leve pressão negativa, dependendo do caso de utilização.

A diferença de pressão necessária é gerada pela diferença entre o ar fornecido e o extraído. Portanto, o conceito da ventilação baseia-se em uma combinação de controle de fluxo volumétrico e pressão da sala que corresponde exatamente à respectiva zona.

A nova estrutura modular da linha de produtos do controlador VAV-Universal (agora com sensor ∆p integrado) facilita a criação da combinação ideal de controlador e motorização de damper para todo tipo de VAV, pressão do duto de ar e aplicação de pressão da sala.

Existem três aplicações principais de pressão de sala:

- Controle de pressão de sala simples (controle direto do damper de ar de insuflamento ou de ar de extração),
- Controle de fluxo volumétrico simultâneo/de pressão de sala (controle de damper de by-pass paralelo para o damper de ar de extração) e
- Controle de pressão de sala e de cascata de fluxo volumétrico.

Essas aplicações de pressão de sala frequentemente implementadas estão explicadas abaixo, utilizando diagramas simplificados.

Controle das salas "não herméticas" com taxas de vazamento/sobrefluxo moderadas


O controlador de pressão de sala VRU-M1R-BAC (A, no ar de extração do exemplo) registra a pressão do ar na sala. É feita uma comparação com o valor de referência e o damper é ajustado no setpoint de pressão da sala especificado, utilizando uma solução de atuadores ideal para a aplicação.

A unidade VAV (ar de insuflamento) correspondente é responsável pela taxa de troca de ar necessária, com base na temperatura ambiente ou na qualidade do ar.

Controle das salas com taxa de vazamento/sobrefluxo baixa, utilizando damper de by-pass

As duas unidades VAV (A, B) controlam a taxa de troca de ar necessária. As duas unidades são controladas em paralelo, com base na temperatura ambiente ou na qualidade do ar.

O controlador de pressão da sala VRU-M1R-BAC (C) compara a pressão da sala com o valor de referência definido e, em seguida, regula o damper de by-pass para o setpoint de pressão especificado da sala. O damper de by-pass é dimensionado de modo adequado à vedação de ar da sala e possibilita um nível elevado de precisão de controle.

O modo de operação de "taxa de pressão positiva/negativa" pode ser alterado para os requisitos atuais da operação hospitalar.

Controle de pressão de sala e de cascata de fluxo volumétrico para salas herméticas

As salas herméticas impõem demandas crescentes ao sistema de controle.

Mínimos vazamentos na sala não permitem a compensação natural de tolerâncias comuns de fluxo volumétrico.

Isto impõe uma demanda elevada ao equipamento de controle.

As duas unidades VAV (A, B) são responsáveis pela taxa de troca de ar necessária e são controladas em paralelo, com base na temperatura ambiente ou na qualidade do ar.

O controlador de pressão adicional da sala (C, sem motorização) inicia uma mudança do setpoint na unidade VAV (B).

O modo de operação de "taxa de pressão positiva/negativa" pode ser alterado para os requisitos atuais da operação hospitalar.

Descrição da linha de produtos do controlador universal VAV

Aplicações

– Fluxo volumétrico VAV/CAV
– Somatório do fluxo volumétrico
– Pressão do duto de ar
– Pressão da sala com modo de operação de "taxa de pressão positiva/negativa" alternável

Soluções de atuadores

– Atuador rotativo
– Atuador rotativo com função de segurança
– Atuador rotativo de avanço muito rápido
– Atuador rotativo de avanço muito rápido com função de segurança

Controle

– Controle convencional 0 a 10 V/2 a 10 V
–  BACnet e Modbus incl. modo híbrido, MP-Bus
–  Pode ser alterado, utilizando o Belimo Assistant App

Ferramentas

– Belimo Assistant App (iOS, Android)
– Conexão sem fio de ferramenta via NFC (Bluetooth)
– Ferramenta de ajuste para computador, disponível para fabricantes de VAV

 

 

Aplicações confiáveis de pressão da sala requerem combinações perfeitamente compatíveis de controlador/damper. Portanto, os componentes VAV-Universal são disponibilizados apenas por fabricantes de unidades VAV.

Influência da qualidade do ar interno em nossa saúde

As pessoas passam aproximadamente 90% do tempo em ambientes fechados e respiram 12.000 litros de ar por dia. Por isso, é importante entender a poderosa influência que a qualidade do ar interno exerce sobre o nosso bem-estar. A Belimo compartilha as suas ideias aprofundadas sobre os efeitos da umidade interna, de COV e de sistemas centrais de tratamento de ar e apresenta sugestões valiosas para a sua saúde.

Leia mais a respeito: