Itens em sua pasta de download

A pasta de download está vazia
item(s) na pasta de download

!

Itens em seu carrinho / lista de projetos

O carrinho / Lista de projetos está vazio.
item(s) no carrinho / lista de projetos
Quantidade:
Total:

Monitoramento da bomba de calor/chiller

O que é uma bomba de calor/chiller?

As bombas de calor e chillers são fornecidos em uma enorme variedade de formas e tamanhos, utilizando tecnologia diferente para alcançar o mesmo resultado para a troca de energia.

A eficiência deste processo é medida pela relação da energia utilizável (água, água/glicol ou ar) com a energia utilizada (normalmente, eletricidade). Ambas as medidas têm unidades de BTU/(h-W) (1 BTU/(h-W) = 0,293 W/W).

O monitoramento da temperatura de alimentação de água, vazão e temperatura de retorno da água é uma parte importante do processo. A primeira etapa para melhorar a eficiência operacional do chiller é calcular as condições atuais (energia produzida/eletricidade consumida), conhecidas como COP.

COP = POTÊNCIA DE RESFRIAMENTO/POTÊNCIA DE ENTRADA 

 

Esquemático

Não há um esquemático genérico válido para todos os tipos de tubulação de bomba de calor ou chillers. O esquemático mostra uma Energy Valve instalada para monitorar a vazão e o diferencial de temperatura em um chiller.

Entretanto, tudo tem uma coisa em comum: a potência máxima alcançável depende da vazão de volume x diferencial de temperatura. Um diferencial de temperatura muito baixo limita o rendimento da fábrica. Muitas vezes, em situações de diferencial de temperatura baixo, há mais máquinas em funcionamento do que realmente é necessário, pois a capacidade é limitada.

A Belimo Energy Valve™ é um ótimo produto para criar transparência e garantir uma operação correta no longo prazo. A Belimo não recomenda a correção de problemas de diferencial de temperatura na fábrica. A implementação de qualquer tipo de controle pode fazer consumir totalmente algumas unidades e não alimentar as outras que estão criando o problema.



Order the new Belimo Energy Valve™ now

Learn how the Energy Valve improves your chiller or heat pump





Energy Valve



Custo total de propriedade (TCO)

Muitas vezes, os sintomas de diferencial de temperatura baixo envolvem uma falta de capacidade da fábrica durante períodos de pico. Naturalmente, o instinto imediato é aumentar a capacidade. Ao usar a Energy Valve para diagnosticar e corrigir ativamente o diferencial de temperatura baixo nos trocadores de calor é possível evitar a necessidade de atualização completa.

Situações comuns com chillers e bombas de calor e por que você deve escolher a Belimo Energy Valve™

Problema: monitoramento contínuo do desempenho do chiller

Em chillers mais antigos, é difícil monitorar a saída térmica. O ideal é comparar isso em relação à potência consumida para um verdadeiro COP. A realização de um benchmarking histórico tem se tornado cada vez mais importante recentemente. A capacidade de medir o desempenho em relação à mesma época no ano passado ou em relação a uma época com condições semelhantes melhora as decisões informadas sobre manutenção e substituição.

Solução: utilizar o medidor de energia incorporado na Energy Valve

Ao monitorar a vazão, juntamente com a entrada e saída das temperaturas da água, é possível compreender melhor em que nível está o desempenho térmico do chiller e, com a adição de um medidor de consumo elétrico, é possível obter o cenário completo ou o coeficiente de desempenho (COP). Mesmo que o chiller já ofereça dados de saída em tempo real, a Energy Valve consegue monitorar e registrar esses dados por 13 meses e oferece um backup útil se o recurso integrado falhar.

 

Problema: níveis desconhecidos de glicol

O glicol é mais pesado do que a água, por isso reduz muito a eficiência da bomba e, com muito pouco, há risco de congelamento. Para alcançar o nível correto é necessário testar a água. Este muitas vezes é um processo manual e exige que o pessoal de gerenciamento das instalações lembre de realizar os testes, mas este processo manual causa receito de falta de glicol, o que muitas vezes faz com que a dose aplicada seja excessiva.

Solução: monitoramento de glicol contínuo

O circuito de água fria primário é o melhor lugar para monitorar os níveis desta importante parte da água. As Energy Valves monitoram as concentrações de glicol no circuito hidrônico e o sistema de gerenciamento predial pode emitir alarmes, ou inclusive dosear automaticamente o sistema, se o nível ficar abaixo de um limite pré-determinado. Ao monitorar e registrar o teor de glicol, é possível gerenciar o equilíbrio entre concentrações demasiado excessivas e insuficientes no sistema. As Energy Valves ajustam automaticamente o cálculo da energia térmica com base no nível e tipo de glicol no sistema que, de outra forma, poderia afetar as leituras em 30%.

Caso de sucesso - University of Miami, EUA

Universidade de Miami A Belimo Energy Valve™ combate a baixa diferença de temperatura baixa na Faculdade de Medicina

O campus médico da Universidade de Miami economiza milhares de dólares e aumenta a capacidade da planta com o retrofit, instalando a Energy Valve da Belimo.